Carreira de eletricista: conheça a área e salários

Carreira de eletricista: conheça a área e salários

Um eletricista é uma pessoa habilitada a fazer instalações elétricas em ambientes domésticos, industriais e comerciais. É uma função que precisa de muita prática e treino. A área de eletricista tem uma alta procura por conta da demanda que nunca acaba no Brasil. Mesmo sendo um campo muito aberto e cheio de oportunidades, hoje faltam profissionais para alimentar essas vagas.

Acendeu o alerta de oportunidade aí? A elétrica pode proporcionar a profissão que você está procurando! Continue a leitura para conhecer a carreira de eletricista.

Mas como funciona a carreira do eletricista? 

Existem diversas áreas onde um eletricista pode atuar, com todas oferecendo oportunidades de trabalho por todo o país. Algumas especializações, como montador e instalador, são muito comuns na área, assim como diversas áreas que oferecem formações técnicas para seus profissionais. Um eletricista pode ser técnico em eletrônica, eletroeletrônica, eletrotécnica e eletromecânica.

Dentro de seu trabalho, independentemente da área, o eletricista pode trabalhar com vários outros profissionais na construção de moradias, prédios industriais ou comerciais. Entre suas funções, ele deve analisar e interpretar desenhos técnicos de instalações elétricas, a instalação e manutenção das fiações, o conserto de equipamentos elétricos, elaborar orçamentos e projetos para instalações e etc. É um trabalho muito complexo, que exige determinação como uma das principais atribuições.

Habilidades além do trabalho em si

Bons eletricistas são aqueles melhor preparados, porém há muito mais em seu trabalho do que apenas os serviços técnicos e práticos. Um bom eletricista deve ter boas habilidades de comunicação, principalmente com seus clientes e colaboradores, deve ter uma rápida habilidade de solução de problemas e para lidar com crises, deve saber negociar com empresas e clientes, além de interpretar e compor diversos projetos.

Conhecimentos de informática também estão sendo cada vez mais valorizados nesse mercado, uma vez que todas as técnicas estão evoluindo cada dia mais. Com um conhecimento sobre os programas e ferramentas mais modernas, o eletricista se coloca muito acima num nível profissional, coisa que poderia fazer total diferença em um currículo. O melhor preparo pode levar a um resultado muito positivo.

Remuneração e empregabilidade

E para o assunto que realmente importa: quanto ganha um eletricista? Bom, isso depende de vários fatores. A média salarial hoje no Brasil é de R$ 1.942,75, porém esse valor pode variar. Como a profissão não possui um piso salarial que vale para todo país, tudo depende da empresa que contrata e dos sindicatos locais. Em média, o eletricista eletrônico é o que ganha melhor na área, com um salário de aproximadamente R$ 2.524,78.

Já sobre vagas, o mercado de trabalho está em constante procura de eletricistas capacitados e bem treinados. A demanda é alta para qualquer pessoa que resolva entrar na área. Diversos concursos públicos são feitos para a contratação de eletricistas, assim como diversos processos seletivos, além de constantes vagas e oportunidades surgindo no mercado. A demanda é grande demais para uma falta de profissionais, o que faz com que a divulgação de cursos seja intensa.

E aqui, na Intensiva, disponibilizamos o Curso de Eletricista com Certificado para você que quer se integrar na área ou, então, já é atuante e procura se aprofundar mais e se especializar no seu campo. Confira aqui!

Deixe um comentário